Blog

Como fazer um diagnóstico para meu negócio?

Como fazer um diagnóstico para meu negócio?

Como fazer um diagnóstico para meu negócio? Saber a resposta para esta pergunta pode ser o maior diferencial para o seu negócio. Antes de tudo, é preciso ter uma reflexão sobre o momento que sua empresa está vivendo, se ela está estabilizada, crescendo ou retraindo. No texto de hoje iremos falar sobre a importância de ter estas informações na ponta da língua, e qual a melhor forma de enxergar os rumos do seu negócio. Conte com a gente, a equipe da Formiga Marketing separou as melhores dicas para fazer isso de forma prática e objetiva.

Fique de olho no caixa

Antes de tudo, sugerimos utilizar a ferramenta de análise SWOT. Em seguida, você precisa ficar ter uma visão clara da saúde financeira da empresa, de quanto dinheiro está entrando e o quanto está sendo gasto. Este primeiro diagnóstico é o ponto de partida para que você possa fazer outras análises. Ter um bom ERP ou pelo menos uma planilha bem preenchida serão ferramentas importantes nesta etapa. Busque sempre ter as informações em mãos para fazer isso periodicamente.

Enxergue o plano geral

Bem como saber o que acontece dos portões para dentro, o gestor precisa estar antenado com o mercado. Procure analisar os concorrentes e o comportamento do seu público, pois desta forma você poderá antecipar as mudanças do mercado e ter um diferencial na sua empresa. Compare a curva das vendas por período e as ofertas dos concorrentes, assim você conseguirá ver nas entrelinhas.

Revisite seus erros

Imediatamente após resolver um problema, costumamos arquivar os e-mails e evitar pensar sobre aquilo. Essa atitude é um grande erro para quem genuinamente busca uma oportunidade de aprimorar o seu atendimento e forma de conduzir a empresa. Por isso é recomendado que periodicamente a equipe faça reuniões para discutir situações desagradáveis que ocorreram. Esta é a única forma de entender os motivos e evitar que estes eventos se repitam.

Seja impessoal

Este é um ponto importante: a única forma de você ser 100% honesto em seu diagnóstico é buscar um olhar neutro. Em outras palavras, julgue a sua própria gestão como você faria com a de um concorrente. Este é o olhar ideal para enxergar os pontos de melhoria e assim ter elementos para trabalhar a melhoria contínua da gestão da empresa.

Receba feedbacks

Bem como a autocrítica é algo importante, não devemos esquecer de ouvir funcionário, fornecedores e clientes. Não é possível fazer uma análise honesta do seu negócio ignorando o ponto de vista dos demais envolvidos. Aplique pesquisas de satisfação, reúna seus colaboradores e mantenha canais diretos para dúvidas, críticas e sugestões.

Enfim, não é fácil ter uma empresa que se mantém acertando em um mercado tão competitivo. Contudo, uma postura de gestão preocupada em entender como a organização funciona e como evitar erros e prejuízos é um grande passo para o equilíbrio da empresa. Tenha o diagnóstico do seu negócio como uma rotina, e colha como recompensa uma empresa melhor posicionada e lucrativa.